sábado, 24 de maio de 2008

Números...



3800 lugares, 30 óperas em rotação, 7 récitas por semana, 800 mil bilhetes vendidos por ano, 1500 funcionários, 15 dólares o bilhete mais barato e 175 o mais caro.
Nada recebe do Estado.
Os ensaios gerais são abertos ao público, com almoço grátis, e todas as récitas são transmitidas pela rádio. Para além disso, 8 das produções anuais são transmitidas em directo para mais de 700 cinemas em 70 países.
Há bilhetes especiais para estudantes, uma loja onde é possível comprar tudo o que se relaciona com ópera, e uma Galeria de Arte a causar inveja a muitas outras.

Isto é apenas uma parte do “Metropolitan” de Nova York.
E não é pouco….

1 comentário:

geocrusoe disse...

Por lá passei há poucos meses, vi a dinâmica do espaço, adorei... mas as operas no velhinho continente (alemanha, austria e UK, podem ser mais pequenas, mas sente-se uma proximidade ao palco maior que no Mets, além do público ser muito melhor disciplinado... por incrível que pareça, continuo com a minha lacuna de nunca ter conseguido adquirir um bilhete para assistir a uma ópera no São Carlos, por isso sobre este nada posso comparar.

Locations of visitors to this page