sexta-feira, 26 de junho de 2009

Ontem ouvi (11)


Sublime.
Schwarzkopf (“Fiordiligi”), Ludwig (“Dorabella”), Prey (“Guglielmo”), Kmentt (“Ferrando”) e Sciutti (“Despina”), tornam este “Così Fan Tutte” difícil de bater por qualquer gravação das existentes e muitas são. Algumas muito boas.
Em 1962, estes grandes cantores estavam na plena posse das suas capacidades, que eram imensas, como sabemos.
E a mestria de Karl Bohm, à frente da Filarmónica de Viena, é bem posta em evidência.
Quando acaba, apetece colocar novamente o cd no início.
Espantoso.

1 comentário:

Paula Nunes Lima disse...

Olá,
Ontem (4/7) também ouvimos, no nosso canal favorito. E anteontem, lá também, tivémos o prazer de ver a Traviatta ao vivo de Lyon. Que maravilha!!
Cumprimentos cinéfilos
Paula e Rui Lima

Locations of visitors to this page