sexta-feira, 14 de novembro de 2008

Ontem ouvi (4)





Há muitas gravações de “Tristão e Isolda”. E excelentes.
A que mais ouço é esta.
Waltraud Meier (nasceu em 1956) e Siegfried Jerusalém (nasceu em 1940) formam, na minha opinião, o melhor par da sua geração, nesta ópera.
Gravação feita em 1995, nela participam ainda Matti Salminen (Rei Marke), Falk Struckmann (Kurwenal), Johan Botha (Melot) e Marjana Lipovsek (Brangane).
A Orquestra Filarmónica de Berlim é dirigida por Daniel Barenboim.
O Coro é o da Ópera de Berlim.


2 comentários:

Hugo Santos disse...

Eu não tenho esta gravação mas admiro bastante a Meier e o Jerusalem. Acho que os dois funcionam muito bem juntos em palco. Recordo aqui o DVD do Parsifal no MET.

geocrusoe disse...

não conheço essa gravação, mas conheço o dvd comentado anteriormente e gostei de facto da dupla em causa, aliás, associo jerusalem às operas de Wagner, talvez porque as únicas interpretações dele que conheço são em personagens deste músico.

Locations of visitors to this page